Projeto Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos pode ser implantado em Iguaba Grande

Representantes do Município se reuniram com Representante do MAPA

Na tarde desta terça feira, 17, o Secretário de Agricultura, Abastecimento e Pesca de Iguaba Grande, Thiago Dutra, se reuniu com representantes das secretarias de Educação, Turismo, Saúde, e com Produtores Rurais para uma reunião com o representante do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Pedro Catete, para discutir a possibilidade do Programa Nacional de Plantas Medicinais e Fitoterápicos em Iguaba Grande.

 

O Programa foi publicado no Brasil em 2008, e tem como objetivo garantir à população brasileira o acesso seguro e o uso racional de plantas medicinais e fitoterápicos, promovendo o uso sustentável da biodiversidade, o desenvolvimento da cadeia produtiva e da indústria nacional.

 

Segundo o Representante do MAPA, Pedro Catete, o encaminhamento e desenvolvimento desse processo só irá acontecer se houver uma parceria. “É de suma importância que haja uma união entre o Município e os Produtores Rurais. O Ministério entra para dar esse suporte, orientação e apoio, e ajuda também na parte de legislação”, afirmou Pedro.

 

O Secretário de Agricultura, Thiago Dutra afirmou que é de suma importância o apoio dos produtores rurais e dos munícipes, para o bom andamento desse projeto. Segundo o secretário, “o projeto é importante para o Município de Iguaba Grande por dois motivos. O primeiro é criar mais uma fonte de renda para o Produtor Rural e o segundo, é a população ter acesso a esse medicamento fitoterápico que vai sair bem mais em conta para o município do que o medicamento da indústria farmacêutica”, destacou Thiago.

 

Após essa reunião, serão feitos estudos com a Secretaria de Saúde sobre as maiores necessidades medicinais do município, para então decidir o que será plantado e orientar os Produtores Rurais, além de buscar parceiros privados para auxiliar na continuidade do Projeto.

Texto: Julya Costa

Foto: Felipe Lopes