Consórcio Lagos de São João solicita escolta para garantir abastecimento de água em municípios da Região dos Lagos

Polícia vai escoltar entrega de produtos químicos para tratamento de água e esgoto em cinco municípios

Em virtude da Paralisação dos Caminhoneiros, a Presidente do Consórcio Intermunicipal Lagos São João, a Prefeita Grasiella Magalhães, solicitou ao Gabinete de Crise do Estado do Rio de Janeiro, escolta policial para quatro caminhões.  Os veículos estão transportando produtos químicos adquiridos pela Concessionária Prolagos, para tratamento de água e esgoto.

A solicitação tem o objetivo de resguardar o trânsito, para o transporte dos produtos  Policloreto de Alunínio 18%, Cal Hidratada para consumo humano, Cloro Gás e Peroxido Hidrogênio, que são essenciais para que não ocorra o desabastecimento das cidades.

O Consórcio Lagos São João é a Agência Delegatária para efeito de execução das ações programadas no âmbito do Comitê de Bacias Lagos de São João, ou seja, tem autonomia para implementar projetos importantes na área ambiental que o Comitê idealizava e planejava. Foi criado para unir governos, empresas e as entidades da sociedade civil visando fortalecer a gestão compartilhada do meio ambiente. Abrange 12 municípios, entre eles, São Pedro da Aldeia, Cabo Frio, Arraial do Cabo, Iguaba Grande e Armação dos Búzios, que são atendidos pelos serviços da Concessionária de Serviços Públicos de Água e Esgoto, ProLagos.

Texto: Júlya Costa

Foto: Felipe Lopes