Corpus Christi reuniu mais de mil fiéis em Iguaba Grande

A programação contou com a confecção de 53 tapetes, missa, procissão e louvor.

Na última quinta-feira, dia 31, mais de mil fiéis se reuniram durante a manhã para a confecção do tapete de sal, celebrando Corpus Christi.  Ao todo, foram 53 tapetes feitos pelas capelas, pastorais, movimentos e escolas. À noite a população se reuniu novamente para a missa, procissão e louvor.

Segundo o pároco da cidade, Padre Rafael Costa, esse dia é de suma importância para a Igreja.  “Hoje é dia de celebrar Jesus na hóstia consagrada, no santíssimo sacramento. A igreja se reúne no mundo inteiro para homenageá-lo através de gestos concretos, como a missa, o louvor, a adoração e também dos tapetes de sal, que mostra a unidade entre as pastorais, movimentos e capelas para prestar um único culto a Jesus, que é a razão do nosso serviço, da nossa entrega, e de toda a nossa vida”, afirmou o padre Rafael.

A coordenadora da Capela Nossa Senhora da Conceição, Maria de Fátima Medeiros, afirma que participa da confecção dos tapetes há 10 anos.  “A experiência que eu tenho é maravilhosa, pois a cada ano é sempre diferente, e a motivação é maior. É de onde podemos ter a alegria da unidade como igreja que somos. A única palavra que expressa o meu sentimento em todos os anos é somente Gratidão” Declarou Maria de Fátima.

Corpus Christi significa Corpo de Cristo. Sua festa surgiu no século XIII, na Bélgica. É a celebração em que, solenemente, a Igreja comemora o Sacramento da Eucaristia. O tema dos tapetes deste ano foi “No Ano do Laicato: A Eucaristia faz a Igreja Fermento, Sal e Luz do Mundo”.

Texto e fotos: Júlya Costa